O que menines bêbados fazem no banheiro?

29 07 2008

Mijam, é claro!

Quer dizer, tentam acertar o meio do vaso, porque os litruz – tonéis, se estivermos falando da Bisteca – de cerveja consumidos durante a noite deixam tudo embaralhado e com imagem dupla na nossa frente…

Pois agora você pode testar a pontaria do seu lulu (ou lelé, mas a menine estando de pé… hihi) neste game miserável em flash que simula os efeitos do álcool quando ele ou ela vai se aliviar no banheiro. É simples: basta tentar controlar a direção do jato com o mouse para não molhar a beirada do vaso, nem o chão, nem o seu au istar novo. As tulipas vão se esvaziando e a situação vai saindo do controle; portanto, concentre-se!

Ligue o som do seu PC: o barulho do jato na água, o som do tuntz-tuntz de buatchy no fundo e o menine lá suspirando no final, tipo (“oooh-ho-ow!”), de alívio, são destaquinhos desse game miserável que não serve para rigorosamente nada, a não ser, é claro, desperdiçar o seu preciosíssimo (cof, cof) tempo. Depois não diga que não avisei!

Eu não ligo a mínima praquela pontuação mequetrefe que eles põem lá, mas, se quiser anunciar seu recorde aqui, fique à vontade, oks.

Mijão! Mijona!

Aleléx

.
Add to FacebookAdd to DiggAdd to Del.icio.usAdd to StumbleuponAdd to RedditAdd to BlinklistAdd to Ma.gnoliaAdd to TechnoratiAdd to FurlAdd to Newsvine





Amy Winehouse: toda cagada

4 07 2008

Galere, roubamos o ótimo título do post publicado hoje no blog papelpop.com porque, simplesmente, não existe expressão melhor para descrever o rascunho do mapa do inferno em que Miss Swinehouse se transformou.

O pessoal da Abril.com montou uma apresentação em flash destacando as partes mais cagadas do corpo da cantora loucadomeucu (célebro, pele, nariz, pulmão e até bochechas), tudo montado em cima de uma foto da época em que ela ainda estava tetéia e tchutchuca.

A gente vai clicando e acompanhando a transformação com breves textos explicando qual droga pesada foi responsável por aquela miséria; e a cada miséria, uma foto da sem-noção toda cagada enfiando o pé na jaca.

el era açim olia

.

O papelpop.com gostou (e nós também), mas considerou o flash uma “brincadeira”. Não concordo. Acho que foi um jeito criativo de falar de algo sério, e ainda juntou impacto visual a uma boa dose de informação.

Cliquem aqui para um susto e uma corrida com a miséria.

Aleléx

.
Add to FacebookAdd to DiggAdd to Del.icio.usAdd to StumbleuponAdd to RedditAdd to BlinklistAdd to Ma.gnoliaAdd to TechnoratiAdd to FurlAdd to Newsvine